VENTO MORNO DO PARAÍSO

portosegurocabral-peqPorto Seguro. Bahia. Brasil. Agosto de 2018.

Os turistas ainda não tinham entendido nada antes de entrar pelos porões da Nau e subirem as escadarias estreitas, apoiando-se nos marinheiros sujos e cansados. Ainda chamam este antiga nave espacial de Caravela, e ainda acham que Pedro Álvares Cabral era baixinho e burro. Mas eu, ao passar ao seu lado no convés, tenho que olhar para cima. E vejo os olhos do Comandante, fixos na praia que se aproxima. Os marujos recolhem as velas enquanto se desvencilham de suas pesadas armaduras, pois o vento da terra prometida é morno e agradável.

A.C.M.

Anúncios